janeiro 30, 2008

mais...



















we can never be born enough e.e.cummings
img. parkeharrison

9 comentários :

n©n disse...

Verdade!

(fotografias boas as destes fotografos....)

Druiel disse...

but we can always try ...

Katrine K disse...

Beautiful photography..!

Ele disse...

Conheci este senhor no blog da S. Reparo agora que veio de ti. Já o gastei. É bom que se farta!

Diana disse...

desde criança que me lembro de sonhar o voo. posso estar a descer umas escadas e de repente trocar o impulso de um tropeção pela subida no ar. ou ainda correr pelo campo abrindo asas, pela rua para mostrar aos amigos. parece simples e desta vez, enfim (enrola-se o sonho no sonho), real. ultimamente, basta-me abrir os braços

ghirigori disse...

hola! muy buena, la foto! que tal estás? cuando vuelves de vísita a barcelona?
un abrazo

dora disse...

: )
saudades, r..... ( do you know the word? ) abrazos

Fábia S disse...

Oi Dora, acho que essa foi uma das imagens que vi no seu blog quando entrei aqui pela primeira vez. beijos fábia.

Miguel Drummond de Castro disse...

Descobri este fotógrafo há pouco tempo, um Fellini-Pierrot lunaire que nos faz, "indeed continue to give birth to ourselves"