março 19, 2006

cristina valadas



Entramos noutro mundo. E o nosso olhar estica-se e tem vontade de se espreguiçar, para logo a seguir voarmos porque é um mundo aéreo e lânguido. Comunica noutra língua que começará por certo no silêncio; depois no olhar lavado e directo, apesar da leveza. Por isso, algumas das figuras são só contornadas, não é preciso mais. Contam muitas histórias. Sente-se o prazer e o riso. Sente-se a muito força de ser.
Os livros que tenho com as ilustrações de Cristina Valadas estão naquela prateleira especial: "livros para ver muitas vezes porque são sempre outros de cada vez que se abrem". Viajo muito nestas ilustrações em direcção a um "dentro" silencioso cheio de luminosidade. Já ofereci vezes sem conta A Rapariga e o Sonho e O Perfume do Sonho, na Tarde com as palavras magistrais da Luisa Dacosta nascidas para os desenhos.
Ontem, inaugurou no Barreiro uma retrospectiva do trabalho de pintura e ilustração de Cristina Valadas. É um privilégio visitá-la. E depois, como é muito difícil querer e conseguir sair deste espaço, é impossivel resistir ao catálogo concebido e trabalhado por Rui Mendonça para esta exposição. O design do livro conhece por dentro as imagens e os meandros invisiveis deste universo, quer servi-lo, e isso sente-se neste objecto que inclui textos de escritores que contam "histórias" sobre a Cristina.
"a arte NA PÁGINA", assim lhe chamaram JÚ Godinho e Eduardo Filipe a quem devemos a organização desta excelente exposição, pode ser visitada até 14 de Maio.
De 3ª a dom. - 15 e as 20h - Auditório Municipal Augusto Cabrita ( 21.2141319 )

3 comentários :

125_azul disse...

Dica boa de lugar feliz para levar princesas a passear...

Mendes Ferreira disse...

________________________
________________________
________________________


porque a beleza mora aqui!

belo.

obrigado.


bjo.

Folha de Chá disse...

Parabéns, Cristina. :)