setembro 13, 2008

geographical guide to a man's heart



















Não resisti. Inteiramente descoberto no blog da bruaá e para aqui delicamente transplantado, este coração de homem arrumadinho nos conteúdos, bem situados através de fronteiras pastel. Poderá finalmente corresponder à tal radiografia/manual de instruções masculino de que não havia ainda rasto geo-anatómico-humorológico-arqueológico. À primeira vista, o grau de complexidade interna deste orgão parece bastante maior do que alguma vez se pudesse supor, a julgar pela unilateralidade de cada acção conseguida -
como máximo dos máximos - pela grande maioria dos elementos que pertencem a este género.
Ok, ok, lets be fair: também fomos radiografadas ao coração, sim. Em estado de menor conservação, como seria de esperar, eis aqui a feminina cartografia - simplificada , diria assim ( for you really need it ).

( criação de jo lowrey, a partir de litografias vitorianas ).

5 comentários :

comboio turbulento disse...

Pois, estou a ver: as mulheres, seres cãndidos e frágeis, dedicavam-se às coisas do amor e os homens à razão (porque alguém tinha de o fazer!).
Que caminho longo (e positivo) já percorresteis vós!

excelente o post

diana disse...

e tem um labirinto bem no centro. isto faz-me lembrar alguém...

dora disse...

pois..... bem visto, amiga!

MONICA disse...

Bom dia!, gostei deste post, senti curiosidade e foi a descobrir esta editora, muito obrigada. Tens uma surpresa em meu blog. :)

Cometa 2000 disse...

:)