setembro 05, 2010

verão


Eva Armisén inaugurou hoje uma nova exposição na sua galeria em Lisboa, a Arte Periférica. Só podia ser assim: ela é igual às imagens que pinta. Por fora e por dentro. Há muitos anos que sigo o seu trabalho, ( 10 -11? A serigrafia que tenho dela deve datar da primeira exposição por cá ); há mais de 9 anos com certeza pois ela ainda não tinha nem a Berta nem o Bruno. Só ela e o Marc existiam nas suas pinturas. A vida que lhe acontece(u) , o que quer dizer família e emoções dos dias, vai(foi) sendo registada nas telas. Por isso, ela só podia ser assim ao vivo: inteira e feliz!
Foi um encontro muito bom, feliz. Perfeito prenuncio para os dias próximos da minha vida :)

Apesar de pequenina, a exposição vale a pena - sempre - ser visitada. Até dia 3 de Outubro. Chama-se, apropriadamente, Verão.
ps. Aqui, uma resenha sobre o livro.

2 comentários :

* Felicidade Clandestina disse...

coisa mais encantadora é os trabalhos dessa moça :)

SombrArredia disse...

Adoro essa artista !!! obrigada pelo "aviso" da exposição :)