outubro 26, 2005

(re)encontro

"[...] se vieres, por exemplo, às quatro horas, às três, já eu começo a ser feliz. E quanto mais perto for da hora, mais feliz me sentirei. Às quatro em ponto já hei-de estar toda agitada e inquieta: é o preço da felicidade! Mas se chegares a uma hora qualquer, eu nunca saberei a que horas é que hei-de começar a arranjar o meu coração, a vesti-lo, a pô-lo bonito...São precisos rituais."

6 comentários :

rafaela teves disse...

De onde?

miriam disse...

ah... esta ilustração é de uma amiga minha! =)
super hiper talentosa.
descobri hoje o teu blog, pela ana ventura, e gostei imenso.

conheces o blog da maria joão? (autora da ilustração)
http://eguzki.livejournal.com/

:)*
miriam

dora disse...

Olá Miriam! Que bom o teu comentário porque sim, é importantíssimo referir a autoria da imagem. É que a guardei e por lapso não registei a origem.
Obrigada, assim pude indexa-la.

( e conheço sim a Maria João, um trabalho fascinante. Tenho a minha "menina-velha", uma das suasbonecas de pano de que me enamorei perdidamente )

Maria disse...

Muito bonito este blog.Muitos e sinceros PArabéns. Gostava de saber de quêm é o texto.

dora disse...

Obrigada. É uma citação do Principezinho de Saint-Exupéry.
Um abraço.

miriam disse...

meses depois lá vi a tua resposta!! =)))

sim, as bonecas da maria joão são assim... qualquer coisa de fantástico! adoro-as.

por cá continuo a acompanhar de perto o teu blog ;)

=)*